28 de junho - 2021

Projeto digital na escola: Promova engajamento e inclusão no seu PPP

Ter um projeto digital na escola vai muito além de preparar aulas e atividades online para os alunos. A internet pode potencializar muito o processo de ensino-aprendizagem e, entender o papel dela na construção social dos alunos que já nasceram na era digital, é fundamental. 

A literacia digital é essencial para qualquer escola, afinal, se faz cada vez mais necessário estar aberto a adaptações e melhorias que tragam a escola mais para perto dos alunos. Em meio a tantas opções atrativas de entretenimento e aprendizados, a escola precisa falar a linguagem da criança e, um projeto digital pode ser uma ferramenta muito potente para que isso aconteça. 

Por que um projeto digital promove inclusão e engajamento na escola?

  • Ele promove atividades atrativas para os alunos dentro e fora da escola
  • Ajuda a mudar a ideia negativa que os alunos possam ter a respeito do modelo de ensino tradicional
  • Traz inovação e faz com que os professores saiam da zona de conforto
  • Permite que crianças com diferentes necessidades especiais possam participar das mesmas atividades

Saiba como usar a literacia digital para otimizar o processo de ensino

Neste artigo, você vai entender como um projeto digital pode promover engajamento e inclusão no PPP da sua escola!

Lei de Inclusão digital nas escolas: Como fazer valer?

No Brasil, um país onde os índices de desigualdade são consideravelmente preocupantes, falar sobre inclusão digital e projeto digital para escolas é um desafio. Durante o ano de 2020, isso foi ainda mais percebido, afinal, as escolas precisaram migrar seus recursos para o mundo digital, mesmo quando uma boa parcela dos alunos possuíam dificuldades para acessar a internet e participar das aulas e atividades.

Foi então que surgiu o projeto de Lei que prevê o acesso à internet e equipamentos tecnológicos para alunos de baixa renda. Este foi um passo importante, mas para muitas escolas, projetos de lei como esses não são suficientes para assegurar total autonomia dos alunos nos projetos digitais desenvolvidos pelas escolas. 

Quer saber como captar alunos e ampliar a comunidade escolar utilizando a mídia espontânea? Baixe este conteúdo. Clique aqui!

Seja nas instituições públicas ou privadas, não dá pra criar um projeto digital na escola sem que aconteça uma pesquisa com pais e alunos para entender quais são as realidades de cada aluno em casa. 

Isso trará informações necessárias para que a escola saiba: 

  • Quais atividades digitais podem ser realizadas em casa;
  • Como é o acesso à internet nas casas dos alunos;
  • Quais recursos tecnológicos eles possuem em casa;
  • Como fazer o rodízio de uso dos aparelhos disponíveis na escola;
  • Qual nível de conhecimento os pais e alunos têm nessas áreas;
  • Quais assuntos relacionados à literacia digital a escola deverá abordar.

A partir das respostas dessas questões, será possível traçar um plano estratégico para que o projeto digital seja o máximo possível de acordo com as necessidades da sua instituição. 

Promova formação para professores realizarem um projeto digital

No Brasil, os avanços educacionais a respeito da tecnologia digital dão passos curtos, mas constantes. Ainda não podemos dizer que a maioria das escolas possuem uma presença digital forte no processo de ensino, mas esse é um ideal que deve ser buscado por cada instituição, na medida do possível.

55% dos professores brasileiros fazem uso de tecnologia em sala de aula de forma regular. Este número partiu de um estudo chamado “O que pensam os professores brasileiros sobre a tecnologia digital em sala de aula”, realizado pelo projeto Todos pela Educação. Assista ao vídeo que explica a pesquisa abaixo!

A partir desses dados, podemos perceber que ainda falta um esforço por parte das instituições de ensino, para que professores tenham apoio, incentivo e infraestrutura para a realização de aulas mais dinâmicas e digitais. Um projeto digital pode trazer inúmeros benefícios para os alunos, mas isso só será possível com a capacitação e preparo dos professores.

Por isso, é importante que a escola:

  • Promova cursos sobre educação digital
  • Reúna uma equipe técnica para tirar dúvidas dos professores
  • Ofereça formação continuada sobre esse tema
  • Dê liberdade para que os professores possam inovar

Projeto Digital SuperAutor: Transforme seus alunos em autores de livros!

Você já ouviu falar sobre o projeto que mistura métodos tradicionais de ensino com tecnologia? Com o Projeto SuperAutor, as crianças realizam atividades digitais enquanto escrevem e ilustram seus próprios livros autorais. Isso ajuda a promover o incentivo à leitura, criatividade, protagonismo e contato com o mundo digital. 

Além disso, ele pode ser realizado com alunos em fase de alfabetização e com alunos que já passaram desta fase, possibilitando o aprimoramento do letramento dos alunos. Com uma metodologia voltada para o desenvolvimento de habilidades da criança de forma autônoma, o projeto entrega muito mais do que apenas uma atividade escolar.  

Leia também: Projeto SuperAutor 2021: Tudo o que você precisa saber para realizar

E aí, gostou da ideia? Leve o Projeto digital SuperAutor para sua escola!

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados

Quer ficar por dentro do nosso conteúdo?

Preencha os campos ao lado e assine a nossa newsletter



    Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade e com os Termos de Uso.