4 de janeiro - 2021

Como incluir a educação alimentar no plano de aula Educação Infantil?

Um bom plano de aula Educação Infantil deve ser pensado para suprir não apenas demandas acadêmicas, mas também demandas sociais. Por isso, é muito importante que as crianças aprendam na escola coisas básicas, mas essenciais, como a construção de uma boa relação com os alimentos. 

Não é atoa que o ministério da saúde estabeleceu a Política Nacional de Alimentação e Nutrição (PNAN), que conta com as diretrizes da EAN (Educação Alimentar e Nutricional). Este programa tem como objetivo fornecer informações suficientes para que as crianças cresçam capazes de fazerem suas próprias escolhas alimentares saudáveis.

Ou seja, a educação alimentar, quando é incluída no plano de aula da Educação Infantil, melhora muito a qualidade de vida dos alunos e, consequentemente, de suas famílias. Além disso, a qualidade do processo de aprendizagem melhora significativamente quando os alunos passam a se alimentar melhor. Isso porque ela influencia diretamente no desenvolvimento cognitivo, disposição e concentração da criança, melhorando o rendimento escolar. 

Neste artigo você vai entender como incluir a educação alimentar no plano de aula Educação Infantil de forma prática na sua sala de aula.

Leve o tema do plano de aula para as casas dos alunos

Este é um tema muito atrelado à rotina familiar da criança, por isso, é importante que a escola traga as famílias para perto neste momento. Isso será interessante não só para o desenvolvimento da aprendizagem do aluno, mas também para a educação dos pais a respeito deste assunto. 

Muitos adultos não pensam sobre o que estão ingerindo de forma crítica e, por isso, passam para os filhos os hábitos não saudáveis que eles carregam. Para que a educação alimentar tenha efeitos práticos, é importante que os pais aprendam também. Para isso, a escola pode criar eventos e convidar os pais para participarem de debates e palestras na escola sobre a importância da educação alimentar.

Além disso, você pode criar atividades no plano de aula da Educação Infantil  interessantes para estimular estas conversas na casa dos alunos, como:

  1. Entrevista alimentar: Os alunos podem entrevistar os familiares mais idosos para entender quais eram os hábitos alimentares do passado que fizeram parte da rotina da família.
  2. Desperdício zero: Os professores podem criar a semana da reflexão a respeito do desperdício de comida, incentivando os alunos a fazerem uma fiscalização em suas casas para criar conscientização

Além dessas atividades que podem ser feitas em casa com os pais, separamos 5 atividades para incluir a educação alimentar no plano de aula Educação Infantil. Venha conferir!

1- Plano de aula educação infantil: Observação na cozinha

A ideia é levar os alunos para o refeitório da escola e propor que eles anotem todas as ações que eles observaram os adultos fazendo enquanto preparam os alimentos. Isso é importante para que eles tenham noções básicas sobre a higienização dos alimentos e todo o processo que eles passam até chegar ao prato. 

Isso pode ser passado como tarefa para casa também, para que eles façam com a ajuda dos pais. Além disso, com essa atividade a criança vai aprender novas palavras no vocabulário e técnicas como cortar, picar, medir, lavar, selecionar, etc.

2- Ligar os pontos com alimentos

Nesta atividade, a brincadeira de ligar os pontos, que geralmente é feita no papel, pode ser em 3D. O professor pode criar caixas com as cores diversas dos alimentos e trazer alimentos correspondentes às cores. Assim, os alunos podem ligar os pontos, colocando em cada caixa, o alimento que corresponde a cor, trabalhando a associação.

3- Os super poderes dos alimentos

Cada alimento tem um super poder representado pelas vitaminas, nutrientes e benefícios que eles geram à saúde. Por isso, é importante que os alunos conheçam o que cada alimento promove no nosso organismo. Faça uma lista das principais vitaminas e relacione com os alunos, o que cada alimento tem de benéfico. Vale apostar na fantasia dos super-heróis e criar histórias com os alunos sobre esses super poderes.

4- Atividade sensorial com os alimentos

Nesta atividade a criança deverá reconhecer os alimentos pelo aroma e pelo sabor. O professor pode colocar uma venda nos olhos dos alunos para que eles descubram o que estão comendo. Isso é muito interessante para que as crianças desenvolvam a sensorialidade, afinal, elas precisarão explorar bastante os sentidos. Além disso, esta é uma boa forma de fazer a criança se abrir para experimentar novos alimentos, sem preconceitos.

5- Competição de mastigação lenta

É muito importante que a criança saiba mastigar a comida corretamente. Isso influencia na absorção dos nutrientes do alimento e em todo o processo digestivo. Por isso, explique a importância deste hábito alimentar e crie um concurso diferente: o concurso de mastigação lenta. Essa experiência será divertida para os alunos, afinal, a proposta é diferente do que eles estão acostumados. Assim, eles poderão contar o número de vezes que se mastiga antes de engolir diferentes alimentos.

E aí, vamos incluir a educação alimentar no plano de aula?

Gostou do Projeto
SuperAutor?

Você pode levar esse projeto gratuitamente para sua escola, transformando seus alunos em SuperAutores e encantando as famílias!

Converse com a nossa Equipe