30 de agosto - 2021

Contação de histórias na educação infantil: Saiba a importância e como realizar!

A contação de histórias é um recurso muito utilizado na educação infantil que vem ganhando cada vez mais força. Hoje em dia existem inúmeras formas de realizar contação de histórias com as crianças, seja você pai ou professor. Além disso, nas redes sociais, principalmente no YouTube, é possível encontrar uma gama enorme de contações de histórias focadas na educação infantil. 

Escrita: Saiba como melhorar a habilidade de comunicação das crianças

Quando realizadas da maneira correta, essas atividades são ótimas para estimular a atenção, curiosidade e imaginação nas crianças. Essa prática é muito importante, pois promove desenvolvimento cognitivo e social na criança, melhorando suas capacidades de comunicação. Diferente da leitura comum, a contação de histórias permite improviso e interação com o ouvinte, o que torna tudo muito mais envolvente e prazeroso.

A influência da contação de histórias no desenvolvimento e na aprendizagem da Educação Infantil 

Quando a criança ouve histórias, ela tem contato com novas realidades, tempos, lugares e comportamentos diferentes. Isso passa principalmente pelo estímulo à oralidade, comunicação e expressão. Por isso é tão importante realizar contação de histórias na educação infantil. 

Parece uma ação simples, mas, a partir dela, a criança tem inúmeros benefícios, como:

  • Repertório cultural;  
  • Incentivo à leitura;
  • Contato com diferentes linguagens;
  • Estímulo à expressão;
  • Ampliação de vocabulário.

Além disso, sentimentos como medo, angústia, alegria, tristeza e euforia são estimulados durante a contação de histórias. Isso proporciona habilidades socioemocionais muito importantes, que poderão ajudar a criança em diversos momentos da vida.

Como realizar uma boa contação de histórias na escola

Contar histórias é uma arte que busca encantar a criança e, isso deve acontecer por meio de diversos mecanismos usados para atrair a atenção do ouvinte. Primeiramente, é importante lembrar que a contação de histórias pode ser realizada tanto pelos professores, quanto pelos pais da criança. A literacia familiar tem papel fundamental nisso e é importante que essa prática ultrapasse os muros escolares para que a criança seja amplamente estimulada. 

Saiba o que é escrita espontânea e como promovê-la!

Para que a história seja realmente envolvente para as crianças, é necessário:

  • Não ter vícios de vocabulário;
  • Ser criativo;
  • Saber utilizar expressão corporal e facial;
  • Ter entonação de voz;
  • Usar a criatividade e imaginação;
  • Colocar o livro sempre à altura dos olhos das crianças.

Separamos 3 dicas para tornar este momento muito mais assertivo!

1- Crie novas propostas de atividades a partir da história

Para que a contação de histórias se torne ainda mais interessante, ela precisa ir além. Isso pode acontecer antes, durante e depois do momento da contação. Crie dinâmicas de aquecimento para que as crianças entrem no clima da história proposta, incentive atividades manuais e sensoriais durante a contação de histórias e pense em tarefas que ajudem a fixar o conteúdo dos livros após a atividade.

Você pode fazer:

  • Atividades artísticas com desenhos e pinturas
  • Rodas de conversa sobre as histórias
  • Dramatizações teatrais
  • Jogos de perguntas e respostas

2- Use uma linguagem clara e objetiva

Para que a contação de histórias tenha impacto na educação infantil, o adulto precisa se atentar à adequação da linguagem. Uma linguagem clara e objetiva ajuda na compreensão e, além disso, prende a atenção da criança por muito mais tempo. Por isso, escolha livros adequados à idade das crianças e busque usar palavras e expressões que façam sentido no contexto infantil.

3- Use recursos visuais para atrair a criança

Os recursos visuais são essenciais para promover maior atenção da criança na contação de histórias. A atenção infantil começa primeiro pelos estímulos visuais e depois pelos estímulos sonoros. Por isso, seja criativo e inove bastante para que esse momento seja muito especial.

Para isso, podem ser utilizados:

  • Fantoches
  • Teatrinhos
  • Máscaras
  • Desenhos
  • Dobraduras
  • Instrumentos musicais
  • Materiais reciclados. 

Gostou das dicas? Compartilhe com algum amigo apaixonado por educação!

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados

Quer ficar por dentro do nosso conteúdo?

Preencha os campos ao lado e assine a nossa newsletter



    Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade e com os Termos de Uso.