Whatsapp (21) 99722-3393 | Telefone de contato (21) 2042-0483
1 de agosto - 2022

Atividades de Escrita que estimulam o desenvolvimento infantil

A escrita e a leitura caminham juntas e são poderosas ferramentas de registro e expressão da percepção e dos sentimentos humanos. Desde os primeiros anos de vida, é possível trabalhar com os pequenos atividades de escrita e projetos relacionados à leitura, planejando atividades em que sejam trabalhadas:

  • ilustrações;
  • a criatividade;
  • a imaginação;
  • diferentes percepções;
  • ampliação de vocabulário;
  • expressão de opiniões e sentimentos

Esses momentos podem acontecer em casa, com a família e na escola com os educadores e os colegas de turma. Inclusive, no processo de letramento, a parceria família + escola é essencial e só traz benefícios para a criança, que está em constante desenvolvimento e aprendizado!

As marcas que deixamos na História

O desenho e a escrita são marcas que registram contextos histórico-culturais e hábitos de diversos povos desde os princípios da história da humanidade. Sendo assim, pode-se dizer que são ferramentas que nos conectam com o passado, reafirmam o presente e nos auxiliam a construir e planejar o futuro.

Como exemplo dos desenhos, temos a arte rupestre, encontrada em forma de pintura nas paredes das cavernas e em alguns instrumentos utilizados nas áreas externas durante a Pré-História. Esses registros tornaram-se fontes históricas para pesquisadores que investigam os primeiros vestígios humanos e os permitiram compreender mais a fundo sobre hábitos diários, crenças e costumes.

No Brasil, as pinturas rupestres estão preservadas em parques nacionais e em áreas preservadas nos Estados:

  • Piauí;
  • Paraíba;
  • Pernambuco;
  • Minas Gerais;
  • Mato Grosso e
  • Rio Grande do Norte
artes rupestres nas paredes de cavernas no Brasil
Pinturas Rupestres encontradas no Brasil

Já a escrita, desenvolvida e praticada em outro momento da História, reúne uma extensa gama de informações: documentos de decisões governamentais, registros de guerras, pandemias, trocas comerciais entre países, formas com que se deram as colonizações e muito mais!

Produções artísticas como peças de teatro, radionovelas, livros, filmes, entre outras, também pertencem ao mundo das palavras e contribuem para que a enorme trajetória humana até os dias de hoje seja pesquisada, analisada, compreendida, interpretada e reinterpretada.

Atividades de Escrita na Infância

Durante a infância, as atividades de escrita auxiliam no desenvolvimento das habilidades motoras e cognitivas, assim como o pensamento crítico, a interpretação de texto e de diferentes percepções de diferentes perspectivas sobre a vida. Além de instigar o lado lúdico e estimular a imaginação e a criatividade!
                                         
Na escola, é importante escolher as atividades de leitura e escrita de acordo com a idade e a série das crianças, pois tanto as atividades quanto seus objetivos precisam ser compatíveis com a capacidade de entendimento dos alunos.

Além disso, a prática da escrita na escola permite que as crianças testem as diversas maneiras de se expressar, de descrever situações ou ambientes e muito mais! O espaço escolar deve permitir a escrita, revisão e reescrita das peças redigidas, sem pressão ou julgamento.

O colégio deve promover um local seguro de aprendizado, onde a tentativa e erro sejam permitidos e recebidos com carinho e acolhimento, exatamente por ser um momento de exercício e experimentação.

Atividades de Escrita para fazer na Escola

1. Montar o alfabeto juntos:

  • Sentar em meia lua com os alunos e montar o alfabeto que ficará na sala de aula juntos;
  • Para cada letra, peça para as crianças escolherem uma palavra com a mesma inicial.

2. Troca-troca de histórias:

  • Entregar para cada aluno um papel com:
    Quem
    Onde
    Como
    Quando
  • Marcar no relógio um tempo determinado, exemplo: 30 seg.
  • A cada 30 segundos, os alunos devem dobrar a parte que escreveram, escondendo e trocando entre si o papel;
  •  No final, cada um lê em voz alta como ficou a história em sua versão final.

3. Reescrever histórias já conhecidas:

  • O aluno deve escolher algum clássico como um conto dos Irmãos Grimm, por exemplo, e vai reescrevê-lo, no formato de redação, adaptando a história para o contexto atual, na cidade ou bairro da escola, incluindo seus amigos, familiares etc.

4. Trabalhar em cima da primeira letra do nome:

  • Atividade para ser realizada nas classes de alfabetização;
  • Com a primeira letra do nome do aluno, pedir para escrever tudo o que gostam: comida, lugar, pessoas etc.

5. Ler um livro coletivamente e depois cada aluno dar um final que gostaria para a história lida:

  • Durante as aulas, ler em roda um livro escolhido especialmente para sua turma;
  • No dia que o livro terminar, pedir para que cada aluno reescreva o final do livro da forma que gostariam que terminasse a história.

Atividades de Escrita para fazer em Casa

1. Escrita sobre o dia:

  • Ao final do dia ou pela manhã, cada membro da família escreve como foi o dia anterior.

2. Lista de Mercado:

  • Faça junto com as crianças da sua vida a lista de mercado
  • Deixe elas escreverem com a letrinha delas!

3. Jogar Stop:

  • Em uma folha de papel ofício, separe algumas seções como:
    – Nome
    – Filme
    – CEP (Cidade, Estado ou País)
    – Fruta
    – Cor e por aí vai…
  • Cada participante precisa de um papel;
  • Jogar adedanha para escolher uma letra e ela será a inicial das palavras de cada seção;
  • Reúna a família e amigos no final de semana para jogarem juntos.

4. Bingo da Alfabetização

  • Fazer cartelas com objetos, comidas, lugares etc.;
  • Sortear uma letra entre todas as letras do alfabeto;
  • Caso seja sorteada a letra B, por exemplo, poderão ser marcadas na cartela todas as ilustrações que remetem a objetos que começam com essa letra.

Alunos como Protagonistas

A produção de texto é uma atividade de escrita que pode ser realizada com alunos de diferentes idades. Uma forma rica de produzir um texto é escrevendo seu próprio livro! Incentivando a autonomia, imaginação, sensação de autorrealização e muitas outras!

O Programa SuperAutor pode ser realizado por alunos de 5 a 13 anos, colocando o pequeno SuperAutor como protagonista de suas escolhas e de sua história.

Inscreva sua escola no Programa SuperAutor e faça dos seus alunos SuperAutores ainda em 2022!

Por Thayana Freitas

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados

Quer ficar por dentro do nosso conteúdo?

Preencha os campos ao lado e assine a nossa newsletter



    Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade e com os Termos de Uso.