Whatsapp (21) 99722-3393 | Telefone de contato (21) 2042-0483
13 de janeiro - 2022

3 formas de estimular a sociabilidade na educação infantil

A sociabilidade é uma habilidade muito importante para todo ser humano. Na infância, boa parte dela é desenvolvida naturalmente, mas é essencial que isso seja estimulado de forma intencional também. Quando a criança é inserida em ambientes diversos, é exposta a situações de convívio do dia a dia e interage com outras crianças e adultos, o seu desenvolvimento é potencializado.

Por isso a escola tem um papel tão essencial na sociedade. É por meio dela que as crianças têm seus primeiros contatos com realidades diferentes e ampliam sua sociabilidade. Se você é um educador, muito provavelmente já presenciou situações onde a sociabilidade na escola gerou grandes impactos positivos no desenvolvimento infantil. 

Mas a grande questão para muitas escolas é entender de que forma podemos colocar isso em prática. Neste artigo, vamos te mostrar como estimular a sociabilidade na educação infantil em 3 passos, mas antes, vamos entender os benefícios desta prática!

Quais são os principais benefícios do estímulo à sociabilidade?

A interação que a sociabilidade proporciona é fundamental, afinal, a convivência é uma necessidade para todos. Entender as diferenças e se relacionar com os outros é um exercício que precisa ser ensinado para a criança desde cedo. Quando elas aprendem a conviver e a compartilhar, os momentos desafiadores da vida se tornam mais fáceis de lidar. 

Dessa forma, a criança aprende a:

  • Trabalhar em grupo
  • Lidar com conflitos
  • Pensar em soluções para problemas
  • Se colocar no lugar do outro
  • Respeitar os sentimentos e decisões do outro
  • Abrir mão de vontades individuais para o bem comum
  • Conversar e se expressar melhor

Esses benefícios são levados por toda a vida, gerando adultos muito mais preparados para os desafios do mundo. Já quando a sociabilidade não é ensinada na infância, podemos perceber impactos em diversas áreas, como trabalho, relacionamentos amorosos, amizades e ambiente familiar. Além disso, estimular a sociabilidade previne:

  • Bullying e Cyberbullying
  • Tensões e inimizades
  • Preconceitos e discriminações 

É evidente que os pais têm a missão de criar oportunidades para que a criança se desenvolva neste sentido, mas em muitos casos, é na escola onde o aluno tem as melhores condições para que isso aconteça. Por isso, trabalhar habilidades socioeducativas é um dever de toda instituição de ensino. A Sociabilidade contribui para o desenvolvimento do aluno e, assim, o rendimento escolar é afetado positivamente.

BNCC: O que diz a lei sobre a sociabilidade na escola?

A BNCC é a Base Nacional Comum Curricular que normatiza  e define quais são as aprendizagens essenciais que devem ser exploradas na escola, de acordo com o Plano Nacional da Educação (PNE).  Atualmente, o desenvolvimento da sociabilidade reforça o caráter social da escola na BNCC.

Nas competências gerais da Base Nacional Comum Curricular, o tópico 8 afirma que é importante: “Conhecer-se, apreciar-se e cuidar de sua saúde física e emocional, compreendendo-se na diversidade humana e reconhecendo suas emoções e as dos outros, com autocrítica e capacidade para lidar com elas”. 

Dessa forma, é importante pensarmos estratégias para tornar o ambiente escolar mais propício ao desenvolvimento social. Vamos ao passo a passo para estimular a sociabilidade na educação infantil!

1- Crie trabalhos em grupo inovadores

Trabalhar em grupo é uma das melhores maneiras de desenvolver a sociabilidade. Mas para além disso, é importante que os professores tenham estratégias inovadoras para que o trabalho em grupo tenha intencionalidade. Não basta apenas separar grupos e designar tarefas. Para que o trabalho em grupo realmente desenvolva a sociabilidade é necessário ir além:

  • Criando desafios
  • Envolvendo as famílias
  • Gerando empatia 
  • Promovendo intimidade entre os integrantes

Além disso, é essencial que o acompanhamento dos grupos seja constante. O professor deve agir como um mediador, criando reflexões, respondendo dúvidas e conduzindo conflitos.

2- Aposte em conteúdos audiovisuais que simplificam temas importantes

Hoje em dia, as crianças estão cada vez mais conectadas e aprendendo muito com conteúdos audiovisuais de todos os tipos. Por isso, uma boa forma de aproveitar esta tendência é aplicando conteúdos sobre sociabilidade em sala de aula com o auxílio dos meios audiovisuais. 

Explicar sobre sentimentos, limites, respeito e individualidades requer ludicidade. No YouTube, existem vários conteúdos gratuitos que exploram temáticas importantes a partir de histórias contadas por animações. 

Veja a lista de materiais que separamos para você:

3- Tenha um projeto de escrita na escola

Quando as crianças têm a oportunidade de expressar seus sentimentos, ideias e opiniões de forma escrita, diversas habilidades sociais e emocionais são desenvolvidas. Por isso, para estimular a sociabilidade a escola pode apostar em projetos pedagógicos prontos que auxiliam neste processo. 

O SuperAutor é uma ótima opção para escolas que buscam estes resultados. A partir dele, os alunos podem escrever e ilustrar suas próprias histórias, que são transformadas em livros impressos de verdade. Quer saber mais? Clique aqui!

Vamos colocar essas dicas em prática? Compartilhe este artigo com sua equipe pedagógica!

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados

Quer ficar por dentro do nosso conteúdo?

Preencha os campos ao lado e assine a nossa newsletter



    Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade e com os Termos de Uso.