12 de dezembro - 2019

Turma agitada: Entenda os motivos e saiba como lidar com este desafio

Toda criança feliz e saudável acaba sendo um pouco mais agitada. É por meio de ações e comportamentos expressivos que as crianças mostram o que estão sentindo. Ser agitado não significa necessariamente um problema, mas pode acarretar algumas dificuldades que afetam o aprendizado. Uma turma agitada é um desafio para qualquer professor. 

É muito frustrante para um professor, planejar uma aula elaborada e interessante e não receber um retorno por que a turma agitada não consegue se concentrar para aproveitar os conteúdos. Quando isso acontece, acaba sendo prejudicial para os dois lados, pois o aluno acaba perdendo rendimento escolar e o professor fica cada vez mais desmotivado. 

O que deixa uma turma agitada?

Saber identificar quando uma turma está agitada é o primeiro passo para solucionar este problema. Os sintomas de uma turma agitada são muito comuns e podem ser confundidos com falta de respeito e rebeldia. Mas a turma agitada sempre é: 

  • Inquieta
  • Barulhenta
  • Desconcentrada
  • Ansiosa

Além disso, ainda que engajada,  uma turma agitada não consegue focar nas atividades. Os motivos que levam uma criança a ficar agitada são muitos. Na maioria dos casos, a criança pode estar agitada por estar inserida em uma realidade agitada. 

Por isso, é importante ter em mente quais são os possíveis motivos que levam uma criança a ficar agitada:

  • Problemas afetivos
  • Bullying na escola
  • Desmotivação
  • Responsabilidades fora de época
  • Questões familiares
  • Grandes mudanças de rotina

Além disso, existem fatores internos da criança, como por exemplo a hiperatividade. Mesmo não sendo um transtorno, a hiperatividade gera comportamentos que podem dificultar o desenvolvimento da criança, como inquietude e impulsividade. Nesses casos, é muito importante o acompanhamento profissional. 

Como lidar com uma turma agitada?

1- Tenha uma rotina em sala de aula

Sair da rotina é importante e ajuda bastante a estimular diversos aspectos dos alunos em sala de aula, mas não é atoa que ela é estabelecida em quase todas as áreas das nossas vidas. A rotina é importante porque ajuda o aluno a ter mais calma e centralizar as expectativas. 

Os professores podem e devem fazer atividades extra que fujam da rotina, mas tornar a fuga da rotina algo recorrente demais, gera inquietação na turma. Por isso, tenha sempre algumas atividades fixas e os momentos do dia bem organizados e separados. Isso vai ajudar e muito a acalmar sua turma agitada. 

2. Tenha sempre uma troca de diálogo com os pais

A educação é uma tarefa conjunta, sem a colaboração e participação dos pais, o aluno não tem um rendimento escolar satisfatório. Quando a rotina em casa anda agitada, o aluno reflete esta agitação na escola também. Por isso, converse com os pais e busque entender os possíveis motivos que levaram cada aluno a agir desta forma em sala. Este diálogo é importante pois em casos de agitação por motivos psicológicos, por exemplo, os pais são os únicos que podem buscar ajuda profissional adequada para solucionar este problema e, para isso, eles precisam estar cientes do que acontece com o filho na escola.

3- Transmita calma às crianças

Um dos maiores erros dos professores é perder o controle emocional diante de uma turma agitada. O que os profissionais da educação precisam ter em mente é que as crianças em situação de agitação, buscam nos adultos um ponto de equilíbrio. 

Por isso, mantenha a calma e tente transmitir confiança para os alunos. Você pode fazer isso:

  • Fale no seu tom de voz normal
  • Olhe nos olhos das crianças
  • Se coloque na altura delas 

4- Seja afetuoso e atencioso

Em alguns casos, o motivo da turma estar agitada é a falta de atenção e afeto da parte dos educadores. Não adianta querer resultados diferentes do que tem sido plantado. Quando o professor estabelece uma relação de afeto e atenção com os alunos, o retorno é o mesmo. 

E aí, gostou das dicas? Compartilhe este artigo com outro educador!

Por: Amanda Guimarães